CBShalom

Loading...

BEM-VINDO...BIEN VENIDO...WELCOME

Estamos iniciando nosso blog que pretendemos manter ativo, informativo, renovado e interativo com nossos amigos.
Será, sem dúvida, provocativo pelo seu teor de temáticas de abordagens sobre a espiritualidade no Reino de Deus.


Porém, sempre uma espiritualidade de valores transcendentais encarnados no quotidiano da vida. Jamais, ópio alienante da realidade tanto existencial como eterna, em Cristo Jesus.


Sejam todos bem-vindos ao nosso blog Caminho do Reino...

CBShalom Internacional

Loading...

Qual a diferenca entre religiao e reino de Deus?

Pesquisar este blog

Seguidores

segunda-feira, 21 de novembro de 2011

VENCENDO O ESPÍRITO DE INVEJA

“Levantando-se, porém, o sumo sacerdote e todos os que estavam com ele, isto é, a seita dos saduceus, tomaram-se de inveja, prenderam os apóstolos e os recolheram à prisão pública. Chamando os apóstolos, açoitaram-nos e, ordenando-lhes que não falassem em o nome de Jesus, os soltaram. E eles se retiraram do Sinédrio regozijando-se por terem sido considerados dignos de sofrer afrontas por esse Nome... E todos os dias, no templo e de casa em casa, não cessavam de ensinar e de pregar Jesus, o Cristo.” (At 5:17-18, 40-42)

Vemos nesta Escritura que por inveja os apóstolos foram presos, isso porque eles estavam operando sinais e prodígios entre o povo. A igreja crescia exponencialmente, grande multidão de pessoas enfermas eram curadas e libertas. Pessoas de outras cidades afluíam para Jerusalém em busca da cura e libertação.
Nas ruas, enfermos aguardavam que ao menos a sombra de Pedro os tocasse para serem curados. Nesse mover poderoso, Pedro e os demais apóstolos, foram presos e açoitados e mesmo ameaçados não deixaram de realizar a obra de Deus com alegria.

1. QUE PROVOCA A INVEJA
Tanto no mundo espiritual quanto no mundo natural, a nossa prosperidade suscita a inveja dos derrotados e acomodados. Ninguém tem inveja daquilo que não presta. Provocamos inveja em alguém porque somos abençoados e essa bênção incomoda aqueles que são contaminados por esse espírito.
O exemplo clássico está no caso de Caim e Abel (He 11.4; 1Jo 3.11-12; Jd 11). O servo de Deus tem que estar preparado para vencer a inveja. Eles venceram a inveja que tinha por objetivo parar as conquistas.

2. QUAL É A FONTE DA INVEJA
Uma das obras da carne citadas em Gálatas 5.21, é a inveja...daqueles que não herdarão o reino dos céus. A Inveja é um sentimento de cobiça ao que o outro tem e a própria pessoa não tem. É um desgosto pelo bem ou pela felicidade do outro. Os invejosos chegam a fazer campanhas de perseguição contra suas vítimas, as quais, na maioria das vezes, não têm qualquer culpa por haverem despertado tal sentimento nestas pessoas. Geralmente os mal-sucedidos têm inveja dos bem-sucedidos. Essa é uma tentativa distorcida para compensar o fracasso que vivem.
O invejoso quando vê outras pessoas alcançando o sucesso, e ele não o alcança, nem recebe o reconhecimento que almeja, ele não se alegra, pelo contrário alimenta sentimentos de ódio, raiva e deixa de buscar sua conquista pessoal.
A inveja cega e domina o coração das pessoas obcecadas, as quais passam a agir com violência, seja por atitudes ou palavras. O maior de todos os invejosos é sem dúvida alguma o próprio Satanás, que perdeu sua condição de glória porque invejava a Glória de Deus e desde então inveja a condição dos filhos de Deus que prosperam. Foi assim com Abel (que foi morto por seu irmão Caim), com Isaque (que teve seus poços entulhados pelos filisteus), Mordecai (que foi perseguido por Hamã, porque não se encurvava diante dele), com Jesus (que foi odiado pelos fariseus), e é assim conosco que temos uma promessa e a marca de prosperidade.
A inveja provoca difamação, perseguição, violência, stress e morte para impedir o crescimento e ascensão do Reino de Deus.

3.COMO VENCER A INVEJA

1) Revendo as motivações (Primeiro tenho que vencer em mim) - "porquanto ainda sois carnais; pois, havendo entre vós inveja e contendas, não sois porventura carnais, e não estais andando segundo os homens? (1Co 3:3). Quando fazemos a vontade de Deus como Pedro, somos perseguidos pelos invejosos, porém temos habilitação, e quando nos determinamos a realizar para Deus temos força, porque a alegria do Senhor é nossa força. Não deixe que as situações parem sua caminhada. Vença os obstáculos, o desgaste e a incompreensão. Nada deve te paralisar.

2) Filtre as informações através do discernimento do Espírito - "O coração tranqüilo é a vida da carne; a inveja, porém, é a podridão dos  ossos.” (Pv 14: 30) Vencemos a inveja sendo gratos ao Senhor por aquilo que temos e não deixando a ansiedade trazer uma insatisfação por aquilo que Deus tem feito. O essencial é ter paz no coração e a certeza de que o Senhor tem prazer em nos abençoar. Tudo tem o momento certo. A hora de Deus virá sobre tua vida. A tua porção determinada ninguém tira.



3) Tenha consciência da essência recebida de Deus - "Portanto, abandonem tudo o que é mau, toda mentira, fingimento, inveja e críticas injustas. Sejam como criancinhas recém-nascidas, desejando sempre o puro leite espiritual, para que, bebendo dele, vocês possam crescer e ser salvos.(1Pe 1:1-2) A inveja é destruída pelos frutos daquele que se alimenta de uma essência e tem uma caminhada de realizações. A nossa é apostólica. Não dê espaço à acomodação. Não pare para olhar a realização dos outros, questionando porque não aconteceu com você. Trabalhe, realize, vença o espírito da inveja, vença os invejosos, fazendo o bem e sempre buscando no Senhor o crescimento espiritual- a sua constituição no Reino.

4) Entre em batalha espiritual, sabendo que Deus é a tua justiça - "Não tenhas inveja dos pecadores; antes conserva-te no temor do Senhor todo o dia. (Pv 23:17) A inveja é quebrada pela determinação e pela perseverança. Mantenha a disciplina espiritual de um guerreiro de Deus, orando, jejuando, se alimentando da Palavra da Verdade. Saiba que tua luta é espiritual. Tema a Deus e ame o próximo.

5) Examine teus sentimentos com relação ao teu próximo –Tomem cuidado para que ninguém abandone a graça de Deus. Cuidado, para que ninguém se torne como uma planta amarga que cresce e prejudica muita gente com o seu veneno. (Hb 12:15) Cuidado com aqueles que plantam e cultivam “raiz de amargura”. Mantenha-se íntegro perante o Senhor. Pedro estava feliz não porque tinha bens ou posição, mas porque estava no centro da vontade de Deus.

Quando vencemos a inveja seguindo as estratégias do Senhor em Sua Palavra, recebemos d’Ele:
• A marca daqueles que sempre são mais que vencedores.
• A disposição renovada e multiplicação de força e unção para servir.
• A vida abundante que Cristo dá para realizações e frutificação no Reino.
• A prosperidade em todas as áreas e empreendimentos da vida em Cristo.
• A capacitação para celebrar e festejar a Glória do Senhor em nossa jornada de fé e ministério comprometido com os valores do Reino de Deus.

Até que Ele venha!
BH, 14 de Novembro 2011

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.